4 dicas de vendas para o seu negócio durante a crise

Não é novidade que a pandemia do coronavírus está afetando o mercado. Com mais pessoas em casa, menor é o número de compras realizadas presencialmente e maior é o índice de estabelecimentos físicos temporariamente em desuso.

Com o estouro da crise, é necessário estar atento às dicas de venda e as possibilidades de se sobressair em meio aos altos e baixos do comércio e utilizar a situação como alavanca de novas estratégias para a sua empresa.

Em meio a cortes de investimentos, redução do faturamento e queda do consumo de produtos, ocasionam-se, além de demissões em massa, dúvidas sobre como manter o negócio funcionando, mesmo que em baixa escala, e como assumir as consequentes dívidas geradas nesse período.

Diante desses desafios, é necessário apostar em estratégias eficazes e modernizar os modelos de negócio, para que abram espaço para lucro, resultados e mantenham vendas durante a crise.

Pensando nisso, separamos algumas dicas que podem ser essenciais para o seu empreendimento continuar ativo e adaptado ao novo cotidiano.

 

1 – Esteja digitalmente próximo ao público

 

As normas de distância e isolamento social incentivam mudanças na forma com que nos comunicamos.

Com a quarentena, recorremos a plataformas digitais – soluções flexíveis, gratuitas e adaptáveis ao cenário atual – para nos informar, divertir, conversar e encontrar produtos e serviços.

A internet é, agora, a vitrine expositora dos produtos da sua empresa. É necessário estar próximo aos clientes e construir experiências on-line para que novos consumidores descubram e cheguem até a sua marca.

Uma opção para melhor desempenho digital é utilizar marketing em redes sociais a favor do seu negócio e criar novos canais de venda, seja por meio do Facebook, Instagram seja, até mesmo, pelo WhatsApp Business.

Invista em páginas virtuais para divulgar o seu trabalho, esteja por dentro de tendências e táticas utilizadas pelos concorrentes e construa, aos poucos, uma nova ferramenta de interatividade e engajamento entre o público e seus produtos.

Mas lembre-se: libere a criatividade para produzir e anunciar conteúdos on-line, mas sem esquecer de levar em conta a necessidade do seu consumidor. Ele deve receber notícias que o interessam. Não o sobrecarregue de informações.

Dessa forma, faz-se possível contornar esse momento traçando estratégias de venda de maneira empática, controlada e não oportunista.

 

 

2 – Antecipe vendas

 

De acordo com o segmento da sua empresa, faz-se viável realizar vendas de produtos antecipadamente.

Além de ser uma forma de garantir negócios e contratos a longo prazo, os produtos podem ser negociados a preço reduzido ou com adição de bônus para serem utilizados quando esse momento passar.

A antecipação de vendas também é uma estratégia para que sua empresa continue lucrando, mesmo que em menor quantidade; para que tenha impactos financeiros minimizados e não feche por completo.

Atualmente, as vendas antecipadas são adotadas por empresas vinculadas aos ramos de turismo, que comercializam viagens, reservas e excursões, e de estética, que vendem pacotes com validade estendida.

 

3 – Dicas de venda via delivery

 

O seu cliente está em casa. Fazer com que o produto chegue até ele é essencial. O serviço de delivery é uma boa opção para sistematizar entregas em domicílio em curto prazo.

Delivery não se encaixa apenas em restaurantes, mas também em outros tipos de estabelecimentos de serviços essenciais, tais como farmácias e supermercados, até lojas de roupas, cosméticos, bebidas, entre outros.

O serviço de delivery significa uma oportunidade para grandes e pequenos empreendimentos se manterem movimentados neste período, no qual poucos clientes se prontificam a sair de casa, para evitar a propagação da COVID-19.

Porém, é necessário se manter atento a detalhes que fazem a diferença para o consumidor e que garantirão a fidelidade deste ao seu negócio durante a crise: bom atendimento, horários e prazos de entrega bem estabelecidos e meios de pagamento diversificados (cartões de crédito, débito e pagamento on-line a partir de aplicativos).

Comece atendendo bairros próximos, examine a reação do público em relação ao seu produto e analise o resultado financeiro, de acordo com os valores das taxas de entrega, para, então, expandir o sistema de entregas.

Quanto mais bem avaliadas e versáteis, maiores os níveis de abrangência e boa receptividade das entregas em domicílio de sua empresa.

 

4 – Renove conhecimento on-line

 

Aproveite o tempo livre para estudar novas áreas, desenvolver habilidades e aplicá-las em seu empreendimento.

Com a diversidade de cursos disponibilizados em plataformas digitais –que se encaixam nas necessidades de isolamento social – de forma gratuita, novos espaços são abertos para que empresários, funcionários e gestores se especializem e adquiram novos certificados de conhecimento.

Assim, podem-se aprimorar novas táticas para que a empresa cresça de forma efetiva para toda a equipe e obtenha sucesso financeiro, adeque essas dicas de venda à sua realidade e traga consumidor para ainda mais perto. Essas mudanças podem, inclusive, perdurar em períodos pós-quarentena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *