Confira as tendências de varejo para o mercado brasileiro em 2021

2020 está chegando na reta final, então está mais do que na hora de pensar nas tendências de mercado para o próximo ano, certo?

Por isso, vamos ajudar você que trabalha com varejo e quer começar o ano que vem atualizado.

Devido ao ano atípico que vivemos, por causa da pandemia do coronavírus, muitas empresas e trabalhadores precisaram adaptar os negócios a essa nova realidade.

Consequentemente, foi possível observar novos hábitos de consumo, o que chamou a atenção dos varejistas neste ano para lucrar por outros meios.

Para aproveitar ao máximo o mercado brasileiro de varejo em 2021, separamos algumas tendências que valem à pena serem estudadas por você que já tem um negócio ou então para quem deseja iniciar nessa área.

Resumo do mercado de varejo em 2020 no Brasil

Antes mesmo de falarmos das tendências de varejo para 2021, é interessante analisar o que cresceu ainda este ano.

A necessidade do isolamento social e o crescimento do home office (trabalho remoto) fizeram as pessoas comprarem ainda mais pela internet.

Segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgados no mês de outubro, o setor de varejo cresceu 3,4% só no mês de agosto.

Em setembro, o mercado varejista cresceu pelo 5º mês seguido, em alta desde maio.

Os produtos mais vendidos foram:

  • roupas e calçados;
  • itens de higiene pessoal;
  • alimentos;
  • eletrônicos e eletrodomésticos
  • acessórios.

A partir daqui, já é possível fazer uma análise e ver o que pode ser estudado e investido em 2021 para lucrar mais.

Tendências de varejo para 2021

De acordo com a ABCOMM (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico), o varejo digital cresceu 56,7% de janeiro a agosto deste ano, quando comparado com o mesmo período do ano passado.

Se você já tem uma empresa de varejo, é importante estudar como usar o e-commerce (comércio eletrônico) para expandir o seu negócio.
Então, sabendo que as vendas online estão em alta, nós separamos algumas tendências de varejo que você deve acompanhar em 2021:

  • Produtos naturais/saudáveis

Com o grande acesso à informação que a internet proporciona, as pessoas passaram a entender a importância da alimentação saudável.

O resultado disso é o grande crescimento que as empresas que trabalham com produtos naturais e saudáveis estão vivendo.

Pesquisas da Brasil Food Trends, projeto que analisa o setor alimentício, observaram que o mercado de alimentação saudável vem passando por um crescimento médio de 12,3% ao ano.

  • Marketing sensorial

O marketing sensorial é uma estratégia que utiliza o estímulo dos sentidos para despertar nos consumidores a necessidade de compra.

Devido à crise e ao distanciamento social, as empresas passaram a investir ainda mais na experiência do cliente, agregando sensações desde a embalagem até o produto em si.

Dependendo do que a sua empresa venda, é possível explorar todos os sentidos dos consumidores (paladar, audição, tato, olfato e visão) para uma fidelização mais eficaz.

  • E-commerce

Como já foi dito aqui, o crescimento das vendas pela internet aumentou bastante. Então, o varejista que não utiliza o e-commerce para expandir o seu negócio, está deixando de lucrar.

As plataformas que mais vendem online são sites e redes sociais, principalmente Instagram, Facebook e Whatsapp.

  • Aplicativos de entrega

Uma pesquisa da Mobills, startup de gestão de finanças pessoais, revelou que o gasto com aplicativos de entrega de comida cresceram 103% só no 1º semestre de 2020.

Muitas empresas e profissionais precisaram utilizar aplicativos de entrega este ano para transferir  documentos, produtos e o que mais fosse necessário durante o isolamento.

O que mais você acha que irá virar tendência de varejo em 2021? Para mais informações sobre o mercado varejista, veja mais artigos aqui no blog da CDL de Fortaleza:

A digitalização do varejo pós-pandemia. 

Novo consumidor. Apenas o produto ou serviço já não é suficiente?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *