5 regras de ouro para um bom atendimento ao cliente

Você já parou para pensar no atendimento ao cliente da sua empresa? É bom o suficiente? Existe espaço para melhorias?

Esse setor, em uma empresa, é essencial para o sucesso de vendas do seu negócio, pois, é nesse contato direto com o cliente que existe a oportunidade de fazer novos negócios e melhorar a visão da sua marca.

A verdade é que ninguém gosta de ser mal atendido. Quando a experiência é ruim, qualquer pessoa sai com uma péssima impressão do estabelecimento e, muito dificilmente, voltará.

Não é isso que queremos.

Atender bem não é só responsabilidade de um vendedor, recepcionista ou qualquer ocupação que lide com o público, mas, principalmente, de quem está na responsabilidade de gerenciar uma equipe.

O fato é que existe sempre como melhorar o atendimento ao cliente do seu negócio e neste artigo, vamos falar de 5 regras de ouro para fazer desse setor o cartão postal da sua empresa. Acompanhe!

 

1-Respeite as características do seu negócio

Todo negócio tem suas características que o torna único, então, por que que o atendimento seria igual?

Uma loja de roupas masculinas jovens tem nuances diferentes de uma clínica odontológica, por exemplo.

Respeitar esses detalhes é essencial para criar estratégias de atendimento que falem diretamente com o seu cliente, deixando-o confortável e bem recebido.

 

2- Foque na empatia

Nem todo cliente é igual. Alguns são mais pacientes, outros mais apressados, mais objetivos ou não sabem direito o que querem…

Clientes vêm de todas as formas e jeitos e ter empatia pode ser o fator crucial para ter o melhor atendimento.

A melhor maneira de conhecer e criar empatia é ouvir. Escute o que ele tem a dizer. Se está insatisfeito, escute-o até o fim e realmente entenda o que ele está passando.

Pratique o “e se fosse comigo?”.

Muitas vezes, o cliente está procurando alguém que o entenda ou entenda o que ele está procurando.

Colocar-se no lugar do seu cliente e imaginar se essa situação estivesse sendo com você, pode te dar uma melhor visão para encontrar a melhor solução.

 

3- Não venda. Entregue uma solução

Já imaginou um vendedor que não vende? Pois é, difícil. Porém, quando o seu foco não está em vender, mas sim em encontrar uma solução para o seu cliente, vender fica mais fácil.

A maioria das pessoas querem que seus problemas sejam resolvidos. Não importa se são mais graves que outros ou mais urgentes, eles querem soluções.

Seja desde escolher uma roupa para uma ocasião especial até trocar um produto defeituoso de fábrica, seus cliente querem que seus problemas sejam resolvidos e sua equipe precisa estar preparada para isso.

 

4- Personalize o seu atendimento ao cliente

Quem nunca se incomodou com aquelas chamadas em que parece que o atendente está apenas lendo algo que ele fala para todas as outras pessoas?

Muitas empresas, para evitar erros, compõem scripts com o que o colaborador deve falar em determinadas situações. O que acontece é que esse atendimento termina se tornando robótico e pouco personalizado.

Primeiro de tudo, o que se deve fazer é entender o seu cliente, qual é sua demanda e como você pode resolver isso para ele. Aí sim, você poderá direcionar o seu atendimento.

Tome cuidado de realmente ouvir o seu cliente e chamá-lo pelo nome e sempre com muita educação.

 

5- Cuidado com a linguagem corporal

De que adianta você ter os melhores produtos, os melhores preços, um ambiente agradável e bons argumentos de venda se o seu atitude corporal não te ajuda?

Na hora do atendimento ao cliente, seja de qual departamento for, é bastante importante ter uma linguagem corporal de acordo com o que você está falando.

Ninguém gosta de ser atendido por funcionários com preguiça ou que não demonstram interesse, por isso, sorrir, olhar nos olhos e ter uma atitude mais aberta, pode fazer a diferença na hora de atender o seu cliente.

Essas 5 regras são itens básicos para tratar melhor a sua clientela. E, embora não sejam grandes segredos, são pouco praticadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *