Como montar uma vitrine vendedora

A vitrine é o melhor canal para chamar  a atenção do seu cliente e fazê-lo entrar em sua loja, portanto saber como montar uma vitrine que capture os olhos da sua clientela é primordial.

Isso pode até parecer um pouco óbvio, mas organizar uma boa vitrine pode apresentar desafios que deixam alguns lojistas com dor de cabeça.

Muitas vezes, na hora de escolher as melhores estratégias para seus produtos, alguns lojistas terminam por demonstrar itens em excesso ou poluindo a vitrine com muitas informações desnecessárias ou que não divulguem o produto da melhor forma.

E por ser o primeiro contato do cliente com a sua loja, o layout da sua vitrine pode atrair cada vez mais clientes ou sabotar as suas vendas.

Para que isso não aconteça, vamos mostrar como montar uma vitrine atrativa e que atraia os clientes certos para sua loja.

Por que a vitrine é tão importante?

Como já mencionamos, a vitrine da sua loja é o que vai cativar a atenção do seu cliente que passeia pela rua ou corredor de shopping.

Para que isso aconteça de forma eficaz, a vitrine precisa chamar a atenção e se destacar das demais. Para se ter uma ideia, a sua vitrine tem concorrentes bem injustos como o smartphone, uma outra pessoa e até a pressa.

As vitrines são tão importantes que, em Nova Iorque, milhares de turistas esperam ansiosamente as lojas revelarem suas vitrines, formando filas e esperando no frio do inverno.

As lojas, por sua vez, investem milhares de dólares e planejamento para entregar a melhor demonstração criativa de produtos.

Selecione os produtos corretos

Você já sabe que os produtos podem sofrer com queda de vendas em diferentes épocas do ano. Produtos femininos vendem mais no Dia das Mães que no Dia dos Pais, por exemplo.

Na hora de organizar o layout da sua vitrine, tenha em mente o período em que ela vai estar disponível e se tem estoque suficiente para o produto divulgado.

Simplifique e escolha os itens que realmente merecem estar na vitrine.

Um erro bastante comum é inserir produtos em excesso e a vitrine transbordar de informações desnecessárias que desviem a atenção do cliente daquilo que realmente é importante.

Portanto, escolha bem as peças que você quer dar destaque.

Devote alguns minutos para cuidar da iluminação

Qual sensação você quer passar para o seu cliente? Se a sua campanha ou os seus produtos são mais alegres e vivos, exaltar essas características são essenciais, mas se você vende algo mais sedutor, a luz não pode ser tão forte.

A iluminação da sua vitrine fala diretamente com os sentidos do seu cliente, transmitindo sensações variadas.

Se sua loja tem bastante cores vivas e muitos detalhes coloridos, uma iluminação que valorize esses detalhes é o melhor caminho.

Já se sua loja vende produtos mais íntimos, misteriosos ou mais sério, por exemplo, apostar em iluminação indireta, focando na meia-luz, faz o serviço.

O que é preciso ter em mente na hora de montar a sua vitrine é no que deve ser dado destaque e assim, determinar o seu ponto focal e direcionar sua iluminação para esse objetivo.

E não precisa gastar muito com isso. Luminárias ou um simples trocar de lâmpadas já resolve boa parte dos problemas.

Trabalhe com temas

Não tem datas comemorativas? Sem problemas!

As pessoas gostam de histórias e com as vitrines não são diferentes. Quando seus produtos estão dispostos de uma forma que conte uma história para o seu cliente, ele se sentirá envolvido e isso vai mexer com sensações.

O tema? Isso fica a cargo da sua criatividade. Pode ser sobre estações do ano, sobre datas comemorativas ou até você mesmo criar um tema focado no seu produto.

Quer um exemplo? Imagine que uma loja de celular vai montar uma vitrine, mas não tem nenhum feriado ou data importante para se basear. Nesse caso, pode ser algo como “Semana do Áudio” e dar destaques a produtos como caixas de som, fones de ouvido e microfones.

Dê asas à imaginação e explore todas as possibilidades que podem existir.

Se possível, deixe sua vitrine dinâmica

Embora o seu produto fique estático, você pode adicionar elementos dinâmicos à composição de sua vitrine.

Aparelhos que produzem bolhas de sabão, trenzinhos ou até manequins móveis. Esses são artifícios que chamam a atenção de quem passa e é garantia de destaque.

Você pode usar também TVs com clipes sobre o seu produto, tablets e outros itens que podem entregar uma dinâmica para a vitrine.

Deixe a sua vitrine instagramável

As redes sociais estão tomando cada vez mais espaços no dia a dia das pessoas e o Instagram foi o que mais cresceu nos últimos dois anos.

A rede social focada em fotografia é a querida de quem quer se mostrar, entregando uma divulgação de estilo de vida, em todas as esferas sociais.

Pensando nisso, muitas marcas estão investindo em fazer vitrines “Instagramáveis”, ou seja, vitrines que foram trabalhadas para despertar o desejo de tirar uma foto naquele cenário.

Alguns restaurantes e bares já se utilizam dessa estratégia com bastante sucesso. Mas, lembre-se: o que vale é a experiência do seu cliente, então, cuidado na hora da execução.

Uma vitrine bem cuidada e em constante evolução pode ser uma excelente ferramenta para tornar a sua loja atrativa ou pode colocar tudo a perder e ter o efeito contrário.

Não tenha medo de ousar. Busque referências e invista na criatividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *