Sua morada da porta pra fora

Leia o artigo da empresária e vice-presidente da CDL de Fortaleza, Jamila Araújo, sobre o evento Ceará 2050, que tem o objetivo de executar um planejamento sustentável e coletivo de longo prazo. O texto foi publicado hoje no jornal O POVO.

Esta semana estive na Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Fortaleza para um encontro sobre o tema Ceará 2050. Este projeto do Governo do Estado e da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), com coordenação da Universidade Federal do Ceará (UFC), tem o propósito de executar um planejamento sustentável e coletivo de longo prazo, de forma se que inicie em 2019 e perdure pelas próximas três décadas, transcendendo em média oito governos.

Sendo assim, a ideia é que o Ceará 2050 seja um plano de estado, e não de governos que vêm e vão, priorizando às vezes estratégias com validade apenas até a próxima eleição ou pior, o próximo ano.

Assim como nas empresas que crescem e prosperam sem planejamento estruturado, uma hora elas vão tropeçar em crises podendo sucumbir ou não. Nos governos, o Estado não se acaba, mas problemas gravíssimos vão estourar no futuro. Já sentimos hoje alguns, quando a violência nos ronda ou os mosquitos propagam doenças.

O desafio é atrair um amplo engajamento dos cidadãos para participar de debates, sugerir ideias, criticar o plano ou expressar suas prioridades.

Como unir as pessoas em prol do planejamento coletivo, quando muitos de nós nem sequer acha que a Cidade lhe pertence e também é nossa responsabilidade? Como mudar hábitos e culturas fazendo com que as pessoas enxerguem seu Estado como morada da porta para fora?

Vivemos uma sociedade rachada e instável. Cidadãos que ora são sensíveis aos problemas sociais, ora são egoístas e individualistas acreditando que não é problema seu.

A voz do povo tem força e coletivamente mudamos nossa história. Gosto das emblemáticas frases “antes tarde do que nunca” e “a esperança é a última que morre”. Gostaria de verdade que a sociedade se apropriasse deste projeto que, independentemente de governos, fiquei animada em discutir sobre este plano, pela primeira vez na história.

Como amarrar o Ceará 2050 para não esfriar com o próximo governador eleito? Vamos começar abraçando esta iniciativa pelo bem do nosso Estado. Convido vocês para colaborar. Nossa rua, nosso bairro, nossa Cidade e nosso Estado também são nossa morada.

Detalhes no site: participe.ceara2050.ce.gov.br ou nas redes sociais: @ceara2050.

Jamila Araújo (jamilafaraujo@gmail.com)
Empresária e vice-presidente da CDL de Fortaleza

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *