Prefeitura apresenta plano de segurança para o comércio

O vice-prefeito Moroni Torgan apresentou ontem, durante reunião de diretoria na CDL de Fortaleza, o Programa Municipal de Proteção Urbana traçado pelo Município.

A proposta é de uma parceria com a iniciativa privada, unindo a força pública e a sociedade, na criação de uma espécie de “ronda do quarteirão”.

Sistemas de torres de segurança blindadas também serão instaladas em pontos estratégicos, seguindo o mesmo modelo da que foi implantada no bairro Jangurussu.

Os resultados dos trabalhos iniciais são considerados positivos. Instalada em janeiro, a torre do Jangurussu já apresentou um impacto positivo na área, segundo a avaliação da Prefeitura, reduzindo o número de homicídios de 10 para 1, entre os meses de janeiro e fevereiro.

O presidente da CDL de Fortaleza, Assis Cavalcante, gostou da apresentação. Os problemas na área de segurança interferem diretamente nas vendas do comércio.

Detalhe: o Centro de Fortaleza não terá uma dessas torres blindadas por não ser considerado uma área perigosa. “Os assaltos do Centro diminuíram muito”, ressalta. Uma boa notícia, principalmente, com a aproximação de datas importantes como o Dia das Mães.

Fonte: Jornal O POVO (Coluna Neila Fontenele)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *