O que é e qual a importância de um planejamento tributário?

Todo empresário sabe a importância de um bom planejamento tributário para o funcionamento de um negócio.

Quando o fim do ano vai se aproximando, é hora de levantar os dados e observar como a empresa está atingindo os resultados para definir os objetivos para o próximo ano.

Um bom planejamento financeiro cuida disso perfeitamente, com metas de venda, perspectivas de ganhos e todos os detalhes necessários para um planejamento de sucesso.

O que acontece é que muitos empresários não olham com cuidado para a parte dos tributos e como uma otimização nos impostos pode beneficiar o negócio.

É pensando nisso que vamos falar sobre a importância de ter um planejamento tributário.

O que é um planejamento tributário?

Os tributos no Brasil são extremamente complexos e pode ser uma pedra no caminho do empreendedor.

Até mesmo os optantes pelo Simples Nacional enfrentam um mundo de impostos que, para quem não tem a experiência, pode atrapalhar o funcionamento do negócio ou até mesmo desestimular o empreendedor.

Bom, um planejamento tributário é a gestão do pagamento dos tributos de uma empresa, seja ela pequena, média ou grande, e o estudo de formas de reduzir legalmente a carga tributária que afeta uma empresa.

Ter um bom planejamento tributário é essencial para o funcionamento de um negócio. Assim como um controle de estoque, gestão pessoal e um fluxo de caixa.

Mais do que pagar impostos

 É bastante comum encontrar gestores que não cuidam exatamente da área de tributos de uma empresa. Às vezes a correria do dia a dia ou a pressa em atingir metas, terminam por negligenciar essa área que tem tanto potencial para ajudar a melhorar os resultados.

É bem verdade que o sistema tributário brasileiro é bastante complexo e, de primeira, pode confundir até os mais atentos, mas com um pouco de atenção, o impacto nos negócios é bastante efetivo.

Na hora de pensar em tributos é preciso dividi-lo em duas partes:

  • Operacional: é o dia a dia comum dos pagamentos dos impostos em seus prazos corretos. É o básico que toda empresa deve fazer. Alinhar os tributos a serem pagos e marcar datas para serem efetuados os pagamentos;
  • Estratégico: antes mesmo do operacional, o estratégico é o planejamento em si. É procurar enquadrar o negócio no melhor regime tributário e, dentro da legalidade, as particularidades que possam contribuir para uma menor carga tributária.

Elisão fiscal

A elisão fiscal é, por assim dizer, o próprio planejamento tributário e o que vai ajudar a sua empresa a diminuir legalmente a incidência de carga tributária.

Devemos deixar claro que a elisão fiscal é diferente de evasão fiscal – na verdade, esta é uma prática ilegal que pode levar o empresário a ser preso.

Nesse caso, a elisão fiscal nada mais é do que adequar a sua empresa ao formato mais vantajoso para que a carga tributária diminua.

Para isso, é preciso um conhecimento dos impostos e em como, de forma legal, os tributos podem afetar minimamente o seu negócio.

O fato é que um planejamento fiscal bem feito pode ajudar o seu negócio a prosperar de forma sustentável e segura, deixando espaço, tempo e dinheiro para traçar estratégias de vendas e cumprir metas.

Se você quer diminuir os tributos pagos pela sua empresa, consulte um contador de confiança ou uma empresa especializada. Eles darão os melhores caminhos para que sua empresa possa prosperar com segurança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *