Mudança no horário de funcionamento do comércio é positiva

Há pelo menos 15 anos, o comércio varejista discute o tema buscando meios para viabilizar o desenvolvimento do empreendedorismo e a liberdade para trabalhar. Fortaleza passará por mudanças positivas e rápidas que a tornará uma das metrópoles mais atrativas e pujantes do Brasil.

Nos últimos meses, acompanhamos conquistas como a concessão do aeroporto Pinto Martins; vinda do hub da Air France-KLM/Gol; parceria com o Porto de Roterdã na Holanda; Polo Industrial da Saúde; atração de investimentos na ZPE, dentre outras parcerias.

O comércio comemorou a ampliação do horário de funcionamento, não como obrigação, mas como opção para trabalharmos dentro da real demanda de mercado, zelando pela lei trabalhista quanto ao horário de trabalho, proporcionando toda infraestrutura para atendermos e protegermos nossas equipes e nossos clientes.

A ampliação é apenas em bairros vocacionados para comércio e turismo, localizados nas Zonas Especiais de Dinamização Urbanística e Socioeconômica (Zedus).

O mercado agora tem a liberdade para abrir, caso tenha adesão da clientela, e estender horários de funcionamento em épocas que justifiquem, como Black Friday e Natal. Caso não compense nem seja conveniente, o horário seguirá normalmente como estamos habituados, dentro do bom senso.

Todos só têm a ganhar. O objetivo é gerar novas oportunidades de negócios e de trabalho, com mais pessoas circulando na rua. Até a segurança pública será impactada positivamente com a ocupação dos espaços.

O objetivo é gerar novas oportunidades de negócios e de trabalho, com mais pessoas circulando na rua.

Vivemos numa época difícil, cheia de desafios complexos na economia, na política e nos setores públicos. Com tantas más notícias, essas merecem ser comemoradas. Antes de polemizar, procuremos conhecer, entender e debater as adaptações.

Todos nós devemos estar unidos para buscar o melhor para o mercado, porque, com o mundo globalizado, não tem quem segure as grandes mudanças que virão por aí.

Jamila Araújojamilafaraujo@gmail.com
Presidente da CDL Jovem de Fortaleza e integrante do Conselho de Leitores do O POVO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *